Atendimento Online
WHATSAPP: (21) 99991-8808

Hemorragia – primeiros socorros vascular

Diante de um quadro hemorrágico, devemos proceder com rapidez para evitar o choque do paciente provocado pela perda demasiada de sangue. O prestador de socorro deve ao mesmo tempo em que controla e acalma a vítima, proceder à inspeção de sinais externos como:

  • pulsação: se forte ou fraca
  • pele: se está fria, pálida
  • coloração dos lábios: brancos, arroxeados ou normais
  • as mãos e dedos: arroxeados ou não

Caso estes sinais externos estejam presentes, é sinal de comprometimento circulatório sério. O paciente deve ser encaminhado rapidamente ao médico ou pronto-socorro mais próximo.

Outras condutas imediatas

Deite o acidentado com a cabeça baixa (a não ser que o sangramento seja na cabeça; neste caso, é melhor deixá-la um pouco mais elevada que o tronco). Mantenha a vítima o mais imóvel possível. Se houver ferimentos nos braços ou nas pernas, mantenha o membro afetado elevado o maior tempo possível.

Coloque uma compressa gelada no local do traumatismo. Com um pano limpo, pressione levemente a região, amarrando um outro logo acima do ferimento para conter o sangramento. Se mesmo assim a hemorragia continuar, comprima a artéria mais próxima com o dedo.

Se o ferimento for nos braços ou nas pernas, será mais fácil conter o sangramento elevando o membro, a não ser que exista uma fratura e o membro fique sem sustentação.

Se o ferimento for em uma veia varicosa, a primeira providência é elevar as pernas, comprimindo-a com o auxílio de um pano limpo no local traumatizado. Mantenha esta posição até que pare o sangramento. Logo em seguida, coloque compressas de gaze sobre o ferimento e envolva-o com uma atadura realizando uma ligeira pressão, começando do pé até próximo ao joelho.

Caso a vitima esteja consciente, pergunte seu nome, endereço e a data, para verificar seu estado de lucidez.

Acalme o paciente com palavras do tipo: “Tudo ficará bem… não é grave, tenha calma!”

• Se houver suspeita de fratura no local, não lavá-lo com as mãos. No caso de cortes maiores, depois de lavar bem o local, deve-se aproximar as bordas da ferida e colocar um pedaço de esparadrapo, para fixar a pele nesta posição. Não dê nada para o paciente beber. Se necessário, apenas molhe a boca em caso de muita sede.

Mantenha observação constante na respiração da vítima, para intervir com massagem cardíaca caso ocorra um parada respiratória.

Providencie socorro médico imediato.

Dr. Edson A Neves

Angiologista e Cirurgião Vascular formado pelo Serviço do DR. Rubens Mayall (Gamboa /RJ)
Membro da Sociedade Internacional de Linfologia
Membro Efetivo da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular
Membro da Sociedade Brasileira de Medicina e Cirurgia do Rio de Janeiro
Prof. do Curso de Homeopatia da S.C. da Misericórdia do RJ

Pós-graduado em:
Angiologia e Cirurgia Vascular
Patologia Clínica
Homeopatia

Veja também

Evite o ressurgimento das varizes cuidando da sua saúde

Tratamento de Varizes com Espuma Densa no Rio de Janeiro

Tratamento das varizes com aplicação de espuma densa

Ative suas pernas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Atendimento Online Marque sua consulta online!